Monday, March 13, 2006

Virei bóia-fria da fazenda do senhor Miyagi


Lembro o dia em que comprei o Guia Visual Folha de S. Paulo – Japão. Já sabia que viria pra cá, mas sabia pouco sobre o país onde eu iria morar. Também não esqueci a página que mais me chamou a atenção (foto). “Nossa! Não imaginava uma praia tão linda no Japão! Eu quero ir!”, falei para a Vanessa, minha amiga e colega de trabalho, daquela época. Estávamos em 2004.

Depois de dois anos e dois meses aqui, finalmente, vou conhecer Okinawa. A tal ilha ao extremo sul do Japão, que me deixou encantada. E não só a mim. Todo mundo que está aqui sonha em ir para Okinawa. É um dos pontos turísticos mais famosos do Japão. Com clima sub-tropical e praias lindas, comparáveis às de Fernando de Noronha (pelo menos, nas fotos).

Só tem um detalhe. Em vez de ir para a praia, como todo turista, eu vou passar uns dias na casa, ou melhor, na fazenda de uma família japonesa. É que vou fazer homestay, num programa da escola de japonês, onde eu estudo. Vários estudantes irão comigo – não conheço nenhum – e o objetivo da viagem é conhecer a cultura de Okinawa e aprender japonês (o que também me encanta).

E soube, na sexta-feira, que vou ser hóspede do senhor Miyagi (leia Miyagui). Assim como o Daniel-san, do filme Karatê Kid. Lembram? E fazer homestay significa não só conhecer a cultura japonesa e aprender a língua, mas também participar das atividades da família, como se fosse um membro dela. E advinhem o que a família do senhor Miyagi faz? Planta cana-de-açúcar!

Já estou me imaginando com aquele figurino da Patrícia Pilar, no papel de bóia-fria, numa dessas novelas da Globo. Acho que era O Rei do Gado. Botas sete léguas, calça larga, camisa suada, chapéu de palha e uma facão enorme nas mãos. Meu Deus, nunca imaginei que fosse virar bóia-fria no Japão! Muito menos na fazenda do senhor Miyagi.

4 comments:

dantada said...

Que desifrute de sus vacacoes no paraiso du sul do Japao

Yayoi said...

Fui so uma vez a Okinawa e era simplesmente linda!! Que tenha boa experiencia, e diverta-se bastante da cultura de la!!!

Shigeka said...

Karina, adoro essa sua empolgacao!! E vc me mata de rir, sempre!! Vai lah e corta muita cana!! Serah q eles fazem mesmo como no Brasil?! Como serah?... Bem, depois conta tudinho!!
Beijinhos

Susana Maria said...

RsRs, qdo vc disse q iria à fazenda do senhor Miyagi eu logo pensei q fosse uma piadinha por causa do karatê kid, e nao é q era verdade?
obs: Meus bisavós eram nativos de Okinawa, minha bisa veio de navio para o Brasil já casada, aos 23 anos, com o intuito de ganhar dinheiro e voltar para a sua terra natal , nem preciso dizer q o plano nao deu certo...